domingo, 14 de setembro de 2014

Mudança da vovó Cida

Vovó Cida depois da separação decidiu mudar de casa, e alugou um apartamento ate o dela ficar pronto, e alugou a casa em que morava.
Foi uma correria para achar esse apartamento, ate que olhamos um em que ela se apaixonou, grande, janela enormes, com sacadas em todos os quartos e um preço maravilhoso...
Depois mais correria para fazer a mudança, são mais de 15 anos nessa casa e 30 anos de história, então tinha tantas coisas, muitas decisões entre o que ficava, o que vendia, o que doava e o que ia para o lixo...
Contrato assinado, decisões tomadas, moveis para seus destinos, e algumas coisas compradas, mudança finalmente concluída...
Confesso. ver aquela casa vazia me deu tristeza, e olha que eu não morava ali mas tem tantas histórias... Davi teve muitos momentos ali eu também, imagina para a sogra...


Mas o importante é que no novo apartamento vamos ter muitos momentos bons também!
Davi adorou pelo fato do elevador e da piscina, mas quando viu alguns móveis sendo levados da casa antiga começou a chorar, disse que não queria sair dali, como ia fazer com os banhos de mangueiras, que ali era casa da vovó e tudo mais... Que dó! Mas logo se acostumou!
Tchau casa! Agora teremos novas histórias


quarta-feira, 10 de setembro de 2014

O primeiro comprimido a gente nunca esquece

Eu com uma crise de alergia que nunca passa, percebi que Davi estava incomodado com algo na garganta, tentando tirar...
Lá fui eu marcar um médico para nós dois, para saber o que estava acontecendo..
Em mim deu umas alergias muito fraca, o que na visão da médica é péssimo pois não tem como tratar, e Davi deu uma pequena alergia a poeira, ácaro e a penas... mas o pior... descobrimos que essa irritação na garganta era o refluxo voltando...
Não sei se comentei aqui, mas o primeiro ano de vida do Davi, desde o dia do nascimento, ele teve problemas com refluxo no qual precisou fazer tratamentos com remédios e aos dois meses de vida parou com leite materno para ir para o leite anti refluxo, já que o que ele mamava ia tudo para fora :(
Com um ano ele já tinha melhorado e o medicamento parado... nem sabia que podia voltar, mas voltou!
Agora ele esta com um remédio liquido e um comprimido, no qual ele tomou direitinho, amem!
Davi é tão fresco pra algumas coisas que eu pensei que seria difícil o comprimido.
Esses dias andaram tão corridos, que nem tive como começar o tratamento de refluxo, só deu certo agora!
Espero que ele melhore :)

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

A separação dos avós paternos

Pois no mês de agosto, meus sogros decidiram a separação...
Fica todo aquele clima chato, esquisito, apesar de estarem se falando e se dando bem, é algo novo que pega todos meio de surpresa, apesar de não ser surpresa assim...
É estranho como uma separação atinge tanta gente, que por mais que os filhos sejam adultos ainda sentem, e que o casal quanto mais velho é, mais sabe tirar de letra...
Ter que aguentar as pessoas mais indiscretas, perguntando o que aconteceu... e quando o casal trabalha junto?
Os netos... esses ainda nem sentiram nada... o difícil e ver Davi chegar na casa da avó e perguntar cade o vô, e o mesmo na casa do vô... Mas a vó é quem desaba!
Davi não andou participando muito desses dias, ele esta mais apegado aos meus pais, afinal passou as férias praticamente toda lá..
Apenas resumi que cada um esta morando em uma casa... ele no auge dos seus 5 anos mal sabe o que é um casamento, imagina uma separação...
Me resumo aqui, sem saber o que dizer, mas a conversa com o pequeno vai ter que acontecer...